”Passo a Passo para realizar o orçamento correto para sua obra”


Atualizado: Out 1

O orçamento é uma avaliação, uma estimativa do custo de algo (obra, empreendimento, serviço etc.) É uma parte fundamental do seu planejamento para uma obra segura do começo ao fim. Nele você prevê senão todas, ao menos a grande maioria das despesas que terá.

Nós, arquitetos, vemos a importância de um orçamento o tempo todo. Os clientes nos procuram com um sonho x, um orçamento y e, uma parte valiosa do nosso trabalho é justamente fazer essas duas coisas se encaixarem. Encontrar o melhor custo benefício em tudo. Nós não fazemos mágica, mas um projeto é a melhor maneira de conseguir o que você precisa ou deseja de forma que caiba no seu bolso, no seu orçamento, chegando ao resultado que você sonhou.

Uma obra/reforma são investimentos que muitas vezes valem a economia de anos de muitas pessoas. Por isso é imprescindível que você seja responsável e inteligente com o seu orçamento. O momento certo para fazer esse orçamento é antes de começar a obra, antes de contratar qualquer serviço, antes de comprar qualquer coisa! A melhor hora para você planejar o seu orçamento é antes de iniciar a obra, certo? Assim, você já vai ter em mente quanto pode investir, quais as suas prioridades e etc. antes de começar a abrir a carteira.

Pra estes orçamento serem certos e coesos, a primeira etapa desta jornada sao os projetos. sem eles os seus orçamentos nunca estarão completos e a base de comparação entre os orçamentos dos fornecedores concorrentes são os projetos, pois terá a certeza de o que está sendo orçado no fornecedor X será o mesmo que o fornecedor Y terá orçado também. BENEFÍCIOS de um bom planejamento O orçamento é importante porque é com ele que você consegue analisar a viabilidade financeira do que que você precisa/deseja fazer;

1. Maior facilidade no planejamento do projeto; 2. Fazer comparações para encontrar a melhor opção de fornecedor material e custo 3. Maior poder de negociação com fornecedores; com os orçamentos na mão você terá mais poder de barganha. 4. Fazer escolhas mais assertivas; 5. Evitar gastos desnecessários; 6. Reduzir custos; 7. Fazer uso do histórico para evolução de outras obras.

● E se eu não fizer, o que acontece? Se você não fizer esse orçamento corretamente, o custo da sua obra será desconhecido por mais que você ache que tem uma ideia de quanto será. Isso compromete o desenvolvimento dela e provoca muito estresse.


COMO FAZER A melhor forma de fazer um orçamento correto e fiel é com um Projeto de arquitetura ou de Design de interiores; já bem definido e sem futuras alterações. Futuras alterações influenciarão no orçamento e no prazo da obra (o que gera custo também)


Onde as pessoas erram? Os principais erros das pessoas em relação ao orçamento é, primeiramente, em não Fazer um projeto, um planejamento de sua obra. (não investem em um projeto com medo de gastar).

O investimento em um projeto projeto é a garantia da economia ao final da obra; sem o projeto, o planejamento, você não tem a comparação de valores entre os fornecedores concorrentes


● Por onde começar?

A Primeira coisa de tudo é colocar todas as idéias e as possibilidades no papel, ou seja

O Projeto; especificando tudo o que será feito.

Com este plano em mãos você começará a buscar os fornecedores, a mão de obra. Para comparar os preços e estipular o gasto real de sua obra.

Converse com construtores e empreiteiros experientes, e se possível que seja indicado por algum conhecido, para que vc tenha mais segurança na hora de contratar.

Prefira trabalhar com uma equipe que já tenha a maioria dos prestadores de serviços acostumados a trabalharem sempre juntos, com isso a fluidez e organização da sua obra é mais garantida e menos estressante.

Depois de definido a parta da mão de obra, ou seja a parte civil da sua obra, comece a fazer os orçamentos de acabamentos (piso, revestimentos, bancadas, metais e louças de banheiros, tomadas e interruptores… até chegar na marcenaria e móveis). Coloque todos esses gastos em uma planilha com o fluxo de pagamentos desses serviços/fornecedores a serem contratados; para que visualize se esta obra será viável e possivel.

Conclusão

Sem um projeto dificilmente terá um orçamento correto, porque tudo vai ficar no campo do “eu acho”... “eu acho que será necessária essa quantidade de material”, “eu acho que vou fazer tal coisa…”, “eu acho que não vou precisar de tal coisa…”

Então você pode até ter a ilusão de um orçamento, mas ele não será verdadeiro e certeiro. E até mesmo os próprios fornecedores não saberão o que orçar corretamente; cada um irá propor uma coisa, um produto, um serviço...


Se ainda assim quiser ler mais sobre esse assunto. indicamos este link aqui:

https://www.vivadecora.com.br/pro/gestao/importancia-do-orcamento-de-obras/


Quer conhecer nossos pacotes de projetos? clique aqui:

24 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Você no Blog